Você sabe o que é QR Code? E como utilizá-lo para melhorar os resultados de seu varejo? Descubra tudo a seguir!

Inventado em 1994, o QR Code não é propriamente uma novidade. No entanto, sua praticidade e versatilidade garantem, desde então, o surgimento de soluções inovadoras para diversas áreas – entre elas o varejo.

Neste artigo, compreenda melhor o que é o QR e conheça algumas de suas principais aplicações no varejo.

O que é QR Code?

QR Code – quick response codes, ou códigos de resposta rápida – é um código quadriculado bidimensional que pode ser escaneado com a câmera de dispositivos móveis a fim de gerar acesso a outros conteúdos ou ações.

Eles também podem ser considerados como o “código de barras da Era da Informação”, embora suas potencialidades sejam muito mais abrangentes do que isso – o QR Code é utilizado em diversas aplicações cotidianas, por exemplo, nas NF-e emitidas, para o check-in de empresas aéreas e mesmo para acesso ao WhatsApp Web.

Como o QR Code pode ser utilizado em seu varejo?

Há diversas formas de utilizar o QR Code no varejo. Entre elas, destacam-se:

1. Integração com lojas virtuais

No varejo, o QR Code pode ser utilizado para integrar a loja física com a online. Por exemplo, o código pode ser aplicado nos produtos físicos para venda online.

Outra ação possível é estimular o cross selling. Assim, ao comprar determinado produto, o cliente receberia um QR Code com desconto na compra posterior de um item adicional.

Ainda, pode-se criar catálogos e anúncios com o código que possibilitem a compra dos produtos divulgados por meio do QR Code.

2. Ativação de descontos e ações promocionais

Aqui, o QR Code é aplicado para a geração de cupons promocionais e obtenção de descontos especiais. Esse provavelmente é o uso mais visto atualmente no varejo – e que só tende a crescer.

Um estudo indicou que, até 2022, 5,3 bilhões de cupons promocionais de QR Code serão resgatados.

3. Disponibilização de conteúdo adicional

O QR Code pode ser aplicado para que a empresa disponibilize aos clientes informações adicionais sobre seus produtos comercializados – por exemplo, um vídeo com o passo a passo da montagem de um móvel ou, ainda, um vídeo com dicas de como fazer uma make up perfeita com determinado item de maquiagem.

Isso pode parecer ser uma ação mais institucional focada em relacionamento. Mas não é apenas isso. Ela tem potencial de gerar mais vendas e lucros para seu negócio. Conforme um estudo realizado pela Oracle, as pessoas querem e valorizam o acesso rápido e simplificado a informações sobre seus produtos de interesse. Além disso, mais de dois terços dos participantes do estudo afirmaram utilizar seu celular para fazer pesquisas antes de adquirir os produtos.

4. Incentivo ao acesso dos canais da marca nas redes sociais

O QR Code pode ser inserido em materiais de divulgação e em displays no PDV. A ação pode objetivar o incentivo ao cliente para que ele curta suas páginas nas redes sociais, a fim de receber conteúdos e ações promocionais em primeira mão. Esse acompanhamento tem o potencial de aumentar o número de visitas e o volume de compras desse público em seu estabelecimento.

E então, o que achou desses exemplos de aplicações do QR Code? Para saber mais sobre esse e outros assuntos relevantes no segmento do varejo, curta nossa página no Facebook!

Compartilhe!