Os furtos no varejo, cada vez mais, têm se tornado um tema de grande preocupação para os lojistas. Não importa o porte do negócio, todos atualmente são suscetíveis ao crescente problema do roubo em lojas.

De acordo com dados da Associação Brasileira de Prevenção de Perdas (Abrappe), o varejo brasileiro perdeu em 2017 quase R$20 bilhões por danos em produtos e furtos.

Embora seja praticamente impossível eliminar todo o roubo, deve-se tomar medidas ativas para desencorajar o furto de sua loja e proteger seu patrimônio.

Utilizando uma variedade de métodos, você pode reduzir suas perdas e garantir sua margem de lucro.

Para ajudá-lo a lidar com o problema dos furtos no varejo, neste artigo, vamos dar dicas de como implementar políticas e procedimentos para proteger seus estabelecimentos contra roubo. Acompanhe a seguir.

Furtos no varejo: os casos mais comuns

Para adotar uma política de redução de perdas, primeiramente, é preciso traçar um perfil dos furtos no varejo. Eles podem ser classificados em:

  • Ocasionais: referentes ao cliente que vai de vez em quando na loja para comprar determinados produtos, porém acaba distraindo funcionários para levar alguns “brindes” escondidos na bolsa.
  • Impulsivos: geralmente, essa figura é conhecida como cleptomaníaco. O furto ocorre como forma de satisfazer o desejo incontrolável do ladrão.
  • Profissionais: quando o furto é premeditado e envolve mais de uma pessoa. Normalmente, eles são bem organizados e articulados para furtarem produtos que são de fácil revenda no mercado paralelo.
  • Internos: nesses casos, os próprios funcionários furtam os produtos, utilizando seu conhecimento das fragilidades na segurança do estabelecimento para praticarem o furto no varejo.

As principais dicas para evitar as perdas dos furtos no varejo

Não importa o quão rapidamente as tecnologias de prevenção de perdas evoluam, os criminosos evoluirão com a mesma rapidez. Portanto, haverá sempre a necessidade de gerenciar a potencialidade dos furtos no varejo.

A solução é tornar mais difícil e arriscado que os itens de uma loja sejam roubados. Veja algumas estratégias para isso.

Conheça bem seu espaço

Para diminuir os problemas com furtos no varejo, os lojistas precisam se familiarizar com os produtos que são alvos maiores de roubos e identificar quais as áreas da loja são mais desprotegidas.

Os varejistas devem usar o layout da loja a seu favor, não apenas para melhorar o visual merchandising, mas também para aumentar o monitoramento, principalmente, naqueles setores com produtos mais valiosos.

Portanto, tente minimizar ao máximo o número de lugares “ocultos” na loja. Em outras palavras, um lugar no qual um funcionário não consiga ver o que um cliente está fazendo.

Invista em tecnologia

Além das tradicionais câmeras de segurança, alarmes, antenas antifurto e contadores de fluxo, use um sistema de rastreamento de estoque computadorizado.

Lembre-se: você precisa ter uma ideia clara do que está acontecendo em seu estoque ou nas prateleiras, além do que é vendido na loja. Um sistema informatizado de controle financeiro ajuda a minimizar os furtos no varejo.

Avalie a contratação de segurança privada em épocas sazonais

Em épocas de grande fluxo de pessoas, pense na possibilidade da contratação de um segurança para a loja para evitar furtos no varejo. Se os clientes e funcionários souberem que há pessoas de olho neles, é menos provável que roubem.

Ofereça treinamento para sua equipe

A melhor maneira de evitar o roubo é por meio de um comportamento proativo. Se um vendedor bem treinado está ativamente envolvido com um cliente, então é muito difícil para o ladrão roubar.

Dessa forma, o treinamento da equipe é um grande aliado para evitar os furtos no varejo.

Os varejistas são constantemente impactados por influências além de seu controle. E a verdade é que boa parte dos ladrões de lojas não são profissionais. Por isso, você pode gerenciar seus métodos de controle de perdas, reduzindo o número de furtos no varejo.

Impedir furtos em lojas, interromper o roubo por funcionários e reduzir as perdas pode ajudar a garantir que o seu negócio esteja mantendo a maior receita de vendas possível.

Gostou das dicas para diminuir os furtos no varejo? Então, que tal curtir nossa página no Facebook para receber mais conteúdos como este?

Compartilhe!